Principais rios de Portugal

Portugal é um país localizado na parte sudoeste da Europa, na fronteira com a Espanha e o Oceano Atlântico. O país tem uma topografia diversificada que vai desde montanhas que abrangem uma vasta planície costeira até um bom número de lagos e rios que correm pelo país. Portugal tem pelo menos dez grandes rios dos quais 5 são originários da Espanha. Existem outros numerosos pequenos rios que fornecem água em todo o território nacional. O Mondego é o maior rio totalmente dentro de Portugal.

Principais rios de Portugal

Tejo

O rio Tejo é o rio mais longo da Península Ibérica, originário da Espanha, que desemboca em Portugal, onde esvazia a sua água perto de Lisboa, no Oceano Atlântico. A nascente do rio Tejo é a Fuente de Garcia cujos principais afluentes entram no Tejo. O rio Tejo tem várias barragens construídas ao longo do seu curso e diversões para ajudar a fornecer água potável a uma grande parte do centro de Espanha e Portugal. Há também uma dúzia de usinas hidrelétricas que ajudam a fornecer energia em partes da região. O rio Tejo cobre uma distância de 645 milhas de comprimento.

Douro

O Douro é um dos rios mais importantes da Península Ibérica que flui da sua nascente na Província de Soria e esvazia a sua água no Porto. O Duoro é o terceiro maior rio da Península Ibérica, que também faz fronteira entre Portugal e Espanha. Existem 15 barragens no total que foram construídas no Duoro para regular o fluxo de água e permitir a navegação além de gerar energia hidrelétrica. Cinco das primeiras barragens são operadas pelos espanhóis, enquanto as outras três na fronteira hispano-portuguesa são geridas pelos portugueses e as duas na fronteira da Espanha. As últimas três barragens estão localizadas em Portugal. O vale do rio Duoro, no Porto, é um património mundial designado pela UNESCO. O rio Duoro cobre uma distância de 557 milhas da nascente até o comprimento da boca

Guadiana

O rio Guadiana é o quarto maior rio da Península Ibérica, definindo um longo trecho na fronteira entre Portugal e Espanha. O rio Guadiana flui através da Espanha de leste a oeste e sul através de Portugal, em seguida, forma o trecho na fronteira Portugal e Espanha. A maior parte do rio Guadiana é navegável, no entanto, as áreas em torno do norte de Mértola não são como ele marca a maior cachoeira na região sul de Portugal. O rio Guadiana deságua no Golfo de Cádiz e tem cerca de 30 represas na bacia do rio. O rio Guadiana tem cerca de 508 milhas de comprimento.

Minho

O rio Minho é o maior rio da região da Galiza em Espanha. O Minho tem vinhas aquáticas, fazendas e é usado para a produção de energia hidroeléctrica, também marca uma pequena parte da fronteira entre Portugal e Portugal. Pedral de Irimia é a nascente do rio Minho que atravessa a Espanha e Portugal esvaziando as suas águas no Oceano Atlântico. O rio Minho tem cerca de 217 milhas de comprimento.

Mondego

O Mondego é o rio mais longo a passar por Portugal, cuja nascente é a Serra da Estrela a esvaziar as suas águas no Oceano Atlântico, perto da cidade da Figueira da Foz. O Mondego tem duas barragens e o rio estende-se por 161 milhas de comprimento.

Os outros principais rios em Portugal

Existem outros rios no país que incluem o rio Zêzere, que tem 133 milhas de comprimento, o Sado que tem 109 milhas de comprimento, o Volga que tem 92 milhas de comprimento, o Tâmega que tem 90 milhas de comprimento e é compartilhado com a Espanha e finalmente o rio Mira. que também tem 90 milhas de comprimento. Existem algumas barragens, centrais hidroeléctricas construídas nestes rios que desempenham um papel significativo no crescimento económico e cultural de Portugal.

ClassificaçãoRios Principais de PortugalComprimento total
1Tejo

645 milhas (compartilhado com a Espanha)
2Douro

557 milhas (compartilhado com a Espanha)
3Guadiana

508 milhas (compartilhado com a Espanha)
4Minho

217 milhas (compartilhado com a Espanha)
5Mondego

161 milhas
6Zêzere

133 milhas
7Sado

109 milhas
8Vouga

92 milhas
9Tâmega

90 milhas (compartilhado com a Espanha)
10Mira

90 milhas